A ação feita pelo Grêmio que D’Alessandro diz que o Inter deveria fazer igual

Ídolo histórico do Internacional, Andrés D’Alessandro concedeu entrevista para a rádio Grenal, na manhã dessa quinta-feira (16), para comentar sobre suas nobres ações em prol dos vitimados das enchentes que assolam o Rio Grande do Sul. Na conversa, revelou uma ação do Grêmio que o Inter deveria fazer igual.

D’Ale disse que o Grêmio valoriza seus ídolos, diferente do Inter, na visão dele obviamente. Que o rival inclusive disponibiliza camarote para que os ídolos possam assistir aos jogos na Arena.

“O Grêmio tem um camarote que leva os ídolos em todas as partidas. Não estou falando apenas por mim, mas acho que esse reconhecimento é legal. Quando fica distante disso, parece que você não fez nada”, disse.

“Sou muito verdadeiro. Para mim nunca é cinza. É branco e preto. Falo essas questões, também, pelos meus filhos. Todos somos sócios do Inter lá em casa, eles vão aos jogos”, completou.

Veja abaixo outra respostas:
“Acho que o Coudet tem feito uma coisa diferente do que fez comigo. O Alan Patrick fica mais solto e mais à vontade, porque é a cabeça pensante. Não se pode pedir para ele marcar lateral. Creio que esse seja o melhor elenco do Inter nos últimos anos”

“Tenho feito alguns cursos virtuais. Indo mais a Argentina e frequentando algumas partidas. Hoje, não tenho pressa para decidir alguma situação relacionada ao futuro.”

“Eu vi muitas mensagens que a gente tem que dar risada, sobre o que mudaria no Rio Grande do Sul, a parada do Campeonato Brasileiro. É preciso ter um pouquinho de empatia.”

“A gente já começou a fazer algumas coisas para voltar com o Lance de Craque. Ainda mais que agora sabemos que o estado vai precisar de ajuda.”

“Sempre digo que temos que fazer algo pela sociedade. A gente tem que ficar bem com a gente. O coração da minha família hoje está bom, porque estamos conseguindo ajudar.”

WHATSAPP

Mais notícias

1 De 3.579

Ao clicar no botão de inscrição, você nunca mais perderá os novos artigos!