A ajuda da CBF e da seleção brasileira para as vítimas das enchentes no RS

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) publicou, em seu site oficial na tarde dessa segunda-feira (6) que, além de outras medidas, fará doação de R$ 1 milhão para as vítimas das enchentes que assolam o Rio Grande do Sul. Veja abaixo o comunicado oficial:

“Em parceria com a CBF, Federações estaduais e clubes, a Imply disponibiliza uma plataforma para doações em prol das vítimas das fortes chuvas do Rio Grande do Sul. O programa é uma forma de mobilizar toda a estrutura do futebol brasileiro para ajudar o povo gaúcho.

A plataforma será auditada pela Ernst & Young e toda receita auferida destinada às vítimas. O site para fazer as doações é https://cbf.eleventickets.com/#!/home. A Imply é uma empresa especializada em sistema de ticket no futebol, sediada no Rio Grande do Sul.

“A CBF e a Seleção Brasileira se solidarizam com esse momento de dor de todo o povo gaúcho em decorrência da tragédia das enchentes no Rio Grande do Sul. Neste momento grave, a CBF tem a iniciativa junto com os atletas da Seleção Brasileira de conclamar todo segmento do futebol, clubes, federações, atletas, árbitros e torcedores, a direcionarem contribuições para ajudar as pessoas que passam por esse grave problema”, afirmou o presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues.

As doações pelo site poderão ser feitas por pessoa física ou jurídica.

A CBF fará uma doação de R$ 1 milhão pela plataforma e colocará à disposição do governo do Rio Grande do Sul uma cota de R$ 1 milhão de medicamentos em parceria com a CIMED.

Jogadores da Seleção gravaram depoimentos participando da campanha da CBF. Vinicius Junior, Neymar, Endrick e Danilo foram alguns deles. O treinador Dorival Júnior e Rodrigo Caetano, coordenador executivo geral das Seleções Brasileiras Masculinas, também apoiam a campanha.

A entidade também mobiliza seus patrocinadores para que todos entrem na campanha. A Ambev inclusive disponibilizou a plataforma Zé Delivery, que hoje conta com 6 milhões de usuários, para amplificar a divulgação da campanha. A CBF convidará os clubes para participarem da campanha.

Nesta segunda (6), a Defesa Civil do Rio Grande do Sul informou que 83 pessoas morreram em decorrência das chuvas no Estado.

Na semana passada, a CBF adiou todas as partidas marcadas no Estado e envolvendo equipes gaúchas na condição de visitante em todas as competições e divisões do futebol brasileiro. A entidade entende que a prioridade de momento é o atendimento à população e a solidariedade.

A CBF, em sua condição de entidade nacional de administração do futebol no Brasil, reitera seu compromisso com o apoio às autoridades e à população gaúcha, a quem manifesta toda a sua solidariedade.

“Conclamo que todos possam fazer essa contribuição dentro da condição que tiver, seja qualquer valor. O mais importante nesse momento de dor é termos o braço estendido para que possa amenizar o sofrimento de tantos gaúchos”, concluiu Ednaldo Rodrigues.”

WHATSAPP

Mais notícias

1 De 3.588

Ao clicar no botão de inscrição, você nunca mais perderá os novos artigos!