A má sorte de Juliano Fabro no Oeste

Meio-campo emprestado pelo Inter sequer foi relacionado para partidas no clube de São Paulo

Para ganhar experiência e ritmo de jogo, o Internacional emprestou no fim de agosto o meio-campo Juliano Fabro para o Oeste. Porém, o jogador de 21 anos teve um mau início no clube de Barueri.

Nos primeiros treinamentos que teve na equipe, o meia de 1,81m sentiu uma lesão na coxa e ainda não foi sequer relacionado para as partidas. A equipe não divulga informações sobre o jogador, mas o blog Resistência Colorada apurou que o atleta passa por uma espécie de transição para o campo.

Fabro era um dos remanescentes do Inter B, equipe extinta durante a pandemia do coronavírus. Após o fim do time alternativo, o meio-campo chegou a treinar no grupo principal e foi inscrito no Gauchão. Porém, não foi aproveitado, saiu da lista do estadual e acabou cedido.

Fabro com a camisa do Oeste (Divulgação)

Juliano Fabro ficará na equipe paulista até o fim da segunda divisão. Antes de rumar para São Paulo, renovou com o Internacional até o fim de 2021.

O Oeste é disparado o pior time da segundona. Com 16 partidas disputadas, conquistou apenas sete pontos. Venceu só uma vez, tem quatro empates e perdeu 11 partidas. Tem a pior defesa com 29 gols sofridos. Não conquista uma vitória há sete jogos e está a oito pontos do primeiro time fora do Z-4.

WHATSAPP

Mais notícias

1 De 3.752