As palavras de Renato em defesa de Eduardo Coudet

Técnico do rival comentou sobre a saída de Chacho do Inter

O técnico do Grêmio, Renato Portaluppi, foi questionado após a vitória sobre o Cuiabá na Copa do Brasil, sobre a troca de treinadores no Brasil. O comandante gremista teceu palavras em defesa de Eduardo Coudet, que deixou o Inter repentinamente.

“Quando o treinador não dá resultado, toma pontapé na bunda e fica por isso mesmo. Quando o treinador pede para sair, não pode. Por que não pode? Por que? Pode… A gente teve o exemplo lá do Coudet. Toda hora é massacre em cima do treinador. Choveu, treinador é culpado. Fez sol, treinador é culpado. Ganhou?  Normal é obrigação. Perdeu, culpado. Escureceu, treinador é culpado”, disse Renato.

“O problema é que o brasileiro gosta de copiar tudo que acontece na Europa. E nem tudo de lá é o certo ou dá certo no Brasil. Flamengo trouxe o Jesus, ganhou e todo mundo quer ir na linha do Flamengo. Não é bem assim… Treinador tem problema muito sério. Primeiro lugar, a língua. Já falando português a gente tem dificuldade do jogador entender certas coisas que a gente fala”, concluiu.

Coudet pediu a quebra de contrato com o Inter para trabalhar no Celta de Vigo, da Espanha.

WHATSAPP

Mais notícias

1 De 3.752