Botafogo negocia por R$ 63 milhões promessa que Inter não quis pagar ajuda de custo

Atacante é aguardado na França para realizar exames

O Botafogo está prestes a vender o atacante Luis Henrique, de 18 anos. O negócio será concretizado com o Olympique de Marseille, da França. E o que tal transação tem a ver com o Inter? O jogador tem formação no Celeiro de Ases, que o teria dispensado. O destro de 1,81m gerará dinheiro ao Clube do Povo, mas o valor é quase que insignificante perto do potencial que poderia gerar aos cofres do Colorado.

Tudo começou quando o técnico do time francês, André Villas-Boas, revelou que a sua equipe estava contratando uma promessa, mas não deu mais informações. Aí então que a imprensa francesa chegou no nome de Luis Henrique.

O canal RMC Sports detalha a proposta: são 10 milhões de euros, algo em torno de R$ 63 milhões. O clube alvinegro é detentor de 40% dos direitos, enquanto que o gaúcho Três Passos detém 60%. Luis Henrique é esperado na terça-feira (22) para realizar exames na França.




“Três Passos, clube aqui do Estado, deve faturar 38 milhões de reais com a venda de Luís Henrique ao OM. Botafogo ficará com R$ 25 milhões. Inter deve receber algo entre 150 e 300 mil reais por formação”, escreveu no Twitter Daniel Borges, especialista na cobertura da base do Inter.

De acordo com o jornalista Lucas Collar, também em informação divulgada na mesma rede social, o Inter o teria dispensado por não querer pagar a ajuda de custo ao jogador.

“Uma última sobre a saída de Luís Henrique do #Inter. O que soube é que não ficou em Alvorada, pois o clube deixou de pagar a ajuda de custo dele em 2018. Botafogo ofereceu uma condição melhor e levou ele pro Rio de Janeiro.”

WHATSAPP

Mais notícias

1 De 3.667