Brasileirão tem três clubes impedidos de mandarem jogos em suas cidades

Proibição, no entanto, vem de esferas distintas

Não são só Grêmio e Internacional que no momento não podem mandar as partidas em seus estádios. No Campeonato Brasileiro, marcado para começar em 8 de agosto, o Red Bull Bragantino tem situação semelhante à da Dupla com o Estádio Nabi Abi Chedid. Bragança Paulista e Porto Alegre são as únicas vetadas.

A equipe fechou a fase classificatória do Paulistão na cidade de Osasco. Nas quartas de final, onde enfrentará o Corinthians, o duelo será único no Estádio do Morumbi, na Capital paulista. A proibição também vem de esferas distintas.

No caso dos gaúchos, o veto para a Arena e Beira-Rio vem do prefeito Nelson Marchezan. Em São Paulo, quando há negativas, acontecem pelo governo estadual, chefiado por João Dória.  No momento, em plano de distanciamento social por cores parecido ao do Rio Grande do Sul, a região de São Paulo está na cor amarela e liberada para os jogos.

ESTÁDIO NABI ABI CHEDID
Casa do Bragantino (Foto: Divulgação)
WHATSAPP

Mais notícias

1 De 3.667