Coudet revela puxão de orelha da direção do Inter

Comandante se diz extremamente sincero e por vezes tal característica prejudica

O técnico do Internacional, Eduardo Coudet, revelou em entrevista coletiva após a vitória sobre o Aimoré, que seu jeito sincero por vezes faz a direção colorada ter de dar um puxão de orelha.

“Falo o que sinto, nem sempre o que querem escutar. Às vezes, me traz alguns problemas, o clube me puxa as orelhas, pois a verdade é que são os dirigentes que mandam. Mas sou assim, falo o que sinto, mesmo que me traga consequências”, admitiu.

Uma das sinceridades extremas do argentino se deu na declaração forte que se for para jogar em campos ruins, que o Inter procure um novo técnico. Coudet, no entanto, fez tal afirmação para proteger os jogadores de críticas por conta do mau resultado contra o Esportivo.

“Quando o time jogar mal, vou ser o primeiro a falar isso. Mas quando o time não tem as condições mínimas para jogar, não vou criticar meus jogadores, não posso cobrar deles”, afirmou.

WHATSAPP

Mais notícias

1 De 3.114