Covid-19, lesões e suspensões. Os desfalques do Inter na Libertadores

Colorado ainda é líder do Grupo E

O Internacional terá desfalques para a partida diante do América-COL, pela Libertadores. Seja por Covid-19, lesões ou suspensões, fato é que o técnico Eduardo Coudet terá de quebrar a cabeça para montar o time.

Moisés e Edenilson ainda estão suspensos pela briga no primeiro Gre-Nal da competição continental. Uendel, Pedro Henrique, Rodrigo Dourado e Rodinei cumprem isolamento pela contaminação do coronavírus.

Por lesão, Chacho não poderá contar com Pottker, Peglow e Yuri Alberto, todos em recuperação de lesão muscular. Com o mesmo problema, Patrick e Johnny também são dúvida para o embate diante dos colombianos.

Classificação Libertadores

Sem Uendel e Moisés, Coudet poderá promover a estreia do jovem Leo Borges. Há também a possibilidade de novamente improvisar Matheus Jussa no setor, mesmo com a fraca atuação no último Gre-Nal.




Por questão técnica, outra mudança poderá acontecer na zaga. Expulso no empate com o São Paulo e com atuações contestadas por setores da imprensa e torcida, o zagueiro Zé Gabriel pode deixar o time para a entrada de Rodrigo Moledo.

O Inter viaja neste domingo (27) para Cali, onde enfrenta o América-COL às 21h30 de terça-feira (29), na quarta rodada do Grupo E. Com sete pontos somados, o Colorado divide a liderança com o Grêmio. O adversário tem quatro pontos, assim como a Universidad Católica-CHI.

WHATSAPP

Mais notícias

1 De 3.485