Declaração sobre salário de jogador que negocia com o Inter vira polêmica

O presidente do Atlético-GO, Adson Batista, deu uma declaração sobre o salário do volante Gabriel Baralhas, alvo do Internacional, que gerou polêmica. Depois, o mandatário do clube goiano recuou na tentativa de minimizar o impacto de suas palavras.

“Há uma boa proposta para vender uma parte do percentual (do Baralhas). Também temos que pensar numa venda futura. O Gabriel Baralhas tem proposta, o Inter trabalha forte para tê-lo. O Atlético-GO paga um salário, e o Inter ofereceu cinco vezes mais”, disse o presidente do Atlético-GO em entrevista para a rádio CBN.

No entanto, em novas entrevistas, o mandatário do clube goiano afirmou que a afirmação que o Inter ofereceu cinco vezes mais não se trata de uma frase literal mas sim uma figura de linguagem.

CLIQUE AQUI E ENTRE EM NOSSO GRUPO FECHADO DE NOTÍCIAS DO INTER NO TELEGRAM

De acordo com apuração do portal Resistência Colorada, o volante tem vencimentos na casa de R$ 80 mil mensais. Ou seja, segundo a declaração do presidente do Atlético-GO, Inter estaria oferecendo remuneração na casa de R$ 400 mil por mês. No entanto, o dirigente goiano recuou de sua afirmação polêmica.

WHATSAPP

Mais notícias

1 De 2.296