Gauchão pode ter mudança drástica no regulamento da final

Caxias é o único garantido na decisão

O presidente da Federação Gaúcha de Futebol, Luciano Hocsman, afirmou em entrevista na rádio Gaúcha nessa sexta-feira (1º), que não descarta a possibilidade de realizar a final do Campeonato Gaúcho em partida única.

“Provoquei este debate em uma das reuniões e os clubes preferiram aguardar para saber quem enfrentaria o Caxias. Até porque, se passar Novo Hamburgo ou Esportivo, ambos estão sem jogos no calendário nacional. Foi uma medida prudente deixar para os dois finalistas refazerem este debate de final com jogo único.”

O Caxias venceu o primeiro turno e encara na grande o final o ganhador do segundo. Grêmio, Internacional, Novo Hamburgo e Esportivo estão no páreo e disputam as semifinais do segundo turno. A alteração na finalíssima pode ser apenas uma das várias mudanças no regulamento, por conta da pandemia do coronavírus.

“A gente tem que respeitar diversos procedimentos de ordem legal de regulamento, mas a gente tem vivido um momento de extrema irregularidade, então alguma excepcionalidade pode acontecer. Pela cautela, não descarto nada”, concluiu Hocsman.

Entenda aqui o motivo da possível mudança no regulamento

WHATSAPP

Mais notícias

1 De 3.667