Jornalista usa declaração de dirigente do Inter na tragédia da Chapecoense para atacar quem defende parar o Brasileirão

O jornalista Mauro Cezar Pereira está em guerra declarada nas redes sociais principalmente contra jornalistas gaúchos que defendem a paralisação do Campeonato Brasileiro, por conta das enchentes que assolam o Rio Grande do Sul. Em um de seus ataques, usou uma declaração do ex-dirigente do Inter Fernando Carvalho quando da tragédia do voo da Chapecoense.

Em 2016, o então vice-presidente de Futebol do Inter, Fernando Carvalho, reclamou de rodadas adiadas e afirmou que o clube tinha a sua própria tragédia, no caso fugir do rebaixamento.

“Além do sentimento, pois nossos jogadores a maioria se relacionava com os atletas, deu para ver hoje, na reunião para dispensar o treinamento, retomaremos amanhã, mas temos nossa tragédia particular aqui, que é fugir do rebaixamento. E esse adiamento de rodadas vai ser prejudical. Como é momento de consternação geral, não é hora de reclamar, mas certamente, esse adiamento trará alguns embaraços que, lá adiante, vamos ter que comentar”, disse Carvalho à época.

Mauro Cezar então usou esta manifestação para atacar aos jornalistas principalmente os identificados, como que toda a comunidade colorada pensasse da mesma forma que Fernando Carvalho à época.

“Parar o campeonato? Ok. Mas apresentem um plano, um reagendamento dos jogos. Façam isso quando quem tem partidas atrasadas puder disputá-las. Adiamento de jogos sempre geram queixas, como no dia seguinte à morte dos que estavam no voo da Chapecoense em 2016…”, publicou Mauro.

Abaixo, outros ataques do jornalista à imprensa do RS que defende a paralisação:

WHATSAPP

Mais notícias

1 De 3.588

Ao clicar no botão de inscrição, você nunca mais perderá os novos artigos!