“Não tenho dúvidas que…”: resposta de Coudet repercute pós-derrota para o Belgrano

Após exato um mês sem jogar, o Internacional voltou a campo na noite dessa terça-feira (28), perdeu por 2 a 1 para o Belgrano, na Arena Barueri, pelo Grupo C da Copa Sul-Americana. Depois da partida, o técnico Eduardo Coudet foi enfático: sem os resultados positivos ele será retirado do cargo.

“Não tenha dúvidas que sem os resultados, a cabeça que vai rolar é a minha. Isso não tenho dúvida. Mas acredito que com o tempo vamos melhorando”, disse o treinador.

“É difícil de explicar, o mais difícil é não ter um horizonte. Não saber para onde vamos. Temos ainda cinco ou seis jogos, e depois não sabemos onde vamos jogar. É difícil”, completou.

“Sabemos que vai ser difícil. Mas vamos encarar essa sequência da melhor maneira. Não temos tempo para ficar lamentando, independente de tudo que está acontecendo, quando a gente entra dentro de campo a gente tem que dar nosso melhor, para dar uma alegria para esse povo”, concluiu.

 

Abaixo, outras respostas do treinador:
“Sinto que perdemos o controle depois de tomar o empate. Foi um primeiro tempo muito bom, menos os dois minutos que nos custaram o jogo.”

“Só se tem ritmo de jogo, jogando. Ficamos um mês sem jogar, e duas semanas sem treinar. Fizemos como pudemos a preparação.”

 

“Para nós, é muito difícil esquecer o que está acontecendo em Porto Alegre. Esquecer de averiguar e de saber o que acontece todos os dias com o clima. Ontem tinha um alerta de ciclone, parece castigo demais.”

“Obviamente está sendo muito difícil para a gente, tanto fisicamente, quanto mentalmente. Mas como nós somos muito profissionais, nós tentamos esquecer tudo isso dentro de campo.”

WHATSAPP

Mais notícias

1 De 3.678