O salário que o Al-Ittihad ofereceu a Edenilson

Camisa 8 vive indefinição sobre o seu futuro

Na maioria das vezes que os clubes árabes querem contratar jogadores, estes vão primeiro no atleta, oferecem salário tentador, para só então negociar com o dono dos direitos. Assim foi com o meia Edenilson, do Internacional.

O Al-Ittihad ofereceu salário de R$ 1 milhão por mês para o meia do Colorado. O jogador, que em 11 dias completará 31 anos, ficou tentado com a proposta e comunicou os dirigentes o desejo de trocar de clube. O Inter, por sua vez, não tenciona perder o camisa 8.

“O Edenílson é um pilar da nossa equipe, representa muito em campo e fora. Mas a negociação precisa ser boa a todos os lados. Enquanto não for boa a todos os lados, não temos novidade. Não gosto de cravar”, afirmou após o último Gre-Nal o executivo do clube, Rodrigo Caetano.

Edenilson em treino no Inter (Foto: Ricardo Duarte/SCI)

A direção reconhece que o baixo desempenho de Edenilson nas últimas partidas tem ligação com a proposta dos árabes, tanto que no último compromisso, o técnico Eduardo Coudet deu a braçadeira de capitão para o meia, como uma espécie de motivação.

O Inter recusou a primeira proposta, no valor de 4 milhões de dólares. Há negócio ainda em andamento e as cifras não seriam o principal problema. Uma diferença de cerca de 1 milhão de dólares e resolveria o impasse. Porém, o dilema é que o Al-Ittihad quer parcelar o valor, enquanto que o Inter quer a venda à vista.

WHATSAPP

Mais notícias

1 De 3.597

Ao clicar no botão de inscrição, você nunca mais perderá os novos artigos!