Os clubes da Série A com técnicos estrangeiros em 2022

Treinadores nascidos fora do país cada vez com mais moral no Brasil

O Internacional contratou o técnico Alexander Medina para a temporada de 2022. O uruguaio comandará o Colorado, mas não será o único estrangeiro nos clubes da primeira divisão nacional.

Ao todo entre os 20 times da Série A, seis equipes terão em suas casamatas treinadores nascidos fora do país. O último a contratar um gringo foi o Atlético-MG, que anunciou nessa quinta-feira (13) o argentino Antonio Mohamed.

Paulo Sousa é comandante do Flamengo (Divulgação)

Antes do Galo, o Flamengo foi quem anunciou um técnico estrangeiro. Trata-se de Paulo Sousa, português que para trabalhar no Brasil deixou o comando da seleção da Polônia. O Inter até tentou contratá-lo, mas assim como nas últimas investidas, fracassou.

Um comandante estrangeiro que estará na primeira divisão é um que conseguiu o acesso. Este atende pelo nome de Gustavo Morínigo, paraguaio que está à frente do Coritiba. Fecham os gringos no Brasil o português Abel Ferreira (Palmeiras) e o argentino Juan Pablo Vojvoda (Fortaleza).

Os técnicos estrangeiros da Série A:

Abel Ferreira – português – Palmeiras;

Cacique Medina – uruguaio – Inter;

Juan Pablo Vojvoda – argentino – Fortaleza;

Paulo Sousa – português – Flamengo;

Gustavo Morínigo – paraguaio – Coritiba;

Antonio Mohamed – argentino – Atlético-MG.

WHATSAPP

Mais notícias

1 De 1.373