Palmeiras se manifesta e revela posição oficial sobre a paralisação do Brasileirão

O Athletico venceu o Palmeiras por 2 a 0 na tarde desse domingo (12), na Arena Barueri, confronto da sexta rodada do Campeonato Brasileiro. Após a partida, o diretor de futebol do Palestra, Anderson Barros, revelou a posição do clube sobre paralisar o Brasileirão por conta das cheias históricas que assolam o Estado do Rio Grande dos Sul.

“Será que todas aquelas pessoas que dependem do futebol seriam capazes de suportar um período de não futebol? Será que todos os trabalhadores que dependem do que está em torno do futebol seriam capazes de suportar o momento? Tivemos um exemplo recente e sabemos quanto os clubes sofrerem quando pararam. Será que a melhor forma será com a paralisação do futebol? O Palmeiras deu exemplo na pandemia e estamos sempre preocupados com o que representa o futebol para todos. Essa tragédia poderá ser superada só com muito trabalho e dedicação”, disse.

“Pensarmos no futebol como um todo, fica muito claro para nós que somente o trabalho fará com que a gente supere essa situação. Não tem como. Somente com trabalho. Por isso que entendemos que não deve parar o Brasileiro. Devemos continuar, encontrar soluções”, completou.

“Acho que o mais importante nesse momento são as pessoas, todos que estão em torno do futebol. Que nós possamos estar sempre criando condições para os que estão em torno do futebol continuem e não percam. Imagine se todos forem prejudicados? O Juventude tem a condição menos afetada, vamos encontrar os caminhos e estamos à disposição dessas equipes para que daqui a 20 dias possam voltar a jogar”, concluiu.

CLIQUE AQUI E RECEBA AS NOTÍCIAS DO INTER NO EM SEU WHATSAPP
A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) convocou uma reunião extraordinária para 27 de maio, em sua sede no Rio de Janeiro, para debater entre outros assuntos se paralisa ou não o Brasileirão.

WHATSAPP

Mais notícias

1 De 3.579

Ao clicar no botão de inscrição, você nunca mais perderá os novos artigos!