Por que a sexta-feira (10) deve ser definitiva para o futuro do Gauchão

Comitê de crise do Estado dará resposta sobre apelo dos clubes

Diferente de outros estados que já anunciaram a volta do futebol, como Minas Gerais, Santa Catarina e São Paulo, além do Rio de Janeiro que já tem bola rolando, o Rio Grande do Sul caminha para outro lado e a sexta-feira (10) será um dia importante para a definição.

O comitê de crise do Estado avalia a possibilidade de permitir treinos coletivos e a sexta está marcada a resposta. Caso o retorno de treinamentos com contato permaneça negado, Inter e Grêmio irão a Santa Catarina para realizar as atividades.

Em Pelotas a situação também é difícil. A região de Brasil e Pelotas está na bandeira vermelha, na classificação de distanciamento social. A prefeitura local proíbe qualquer tipo de treinamento. E este é um problemão.

Diferente de Grêmio e Inter, os clubes do Interior não têm os recursos para se alojar fora do Estado para poder treinar. Portanto, caso a resposta de sexta seja negativa, cresce consideravelmente a hipótese de o Gauchão ser declarado encerrado.

WHATSAPP

Mais notícias

1 De 3.597

Ao clicar no botão de inscrição, você nunca mais perderá os novos artigos!