Receitas x despesas: veja quanto o Inter faturou na goleada sobre a Chapecoense

Duelo contra os catarinenses marcou a volta do público ao estádio Beira-Rio

Na goleada por 5 a 2 sobre a Chapecoense no último domingo (10), o Internacional voltou a contar com seus torcedores nas arquibancadas do Beira-Rio. A presença de público além do apoio ao time também é sinônimo de receitas na bilheteria.

Após um ano e sete meses sem poder acompanhar o Inter no estádio, por conta da pandemia de coronavírus, um total de 8.506 torcedores marcaram presença na casa colorada. Destes, 7.394 pagaram ingresso, o que gerou renda de R$ 474.842,00. Porém, o numero final é outro.

Torcida voltou ao estádio (Foto: Ricardo Duarte/SCI)

O regulamento do Campeonato Brasileiro aponta que o clube mandante é o responsável por arcar com todas as despesas da operação do jogo. Gastos como a taxa de arbitragem, hospedagem destes, antidoping, entre outros, foram bancados pelo Inter.

As despesas totais da partida geraram um total de R$ 141.978,48. Assim, de forma liquida, o Clube do Povo embolsou R$ 332.863,52 em sua primeira partida na volta do público ao Beira-Rio.

Veja abaixo receitas x despesas:

 

WHATSAPP

Mais notícias

1 De 1.172