Site alemão coloca Inter no top 5 de maiores vendas do mundo de jogadores adolescentes

O jornalista argentino César Luis Merlo, especialista no mercado da bola, publicou que o Chelsea está na iminência de contratar o meia-atacante Estêvão, de 17 anos, do Palmeiras. Caso esta transação se confirme será o maior negócio do mundo envolvendo jogador que ainda não completou a maioridade. E tem atleta do Internacional nesta lista.

Em 2007, após se tornar campeão mundial com o Inter, o então adolescente de 17 anos Alexandre Pato foi vendido para o Milan. A informação sobre o valor do negócio é desencontrada, há mais de uma versão. De acordo com o Tranfermarkt, site alemão que cobre o mercado da bola, esta transferência movimentou 24 milhões de euros.

Pato em treino Inter

Ainda segundo o Transfermarkt, a transferência de Pato está no top 5 das maiores transações de jogadores ainda menores de idade. À frente de Pato estão Jude Bellingham, Vinícius Júnior, Rodrygo e Endrick.

Além de Inter e Milan, Pato defendeu as cores do Corinthians, Villarreal, Chelsea, São Paulo, Tianjin Tianhai e Orlando City. Aos 34 anos, o atacante atualmente está sem clube.

Abaixo, as vendas de adolescentes mais caras da história, segundo o Transfermarkt:

1 – Endrick (BRA, Real Madrid): 47,5 milhões de euros;

2 – Rodrygo (BRA, Real Madrid): 45 milhões de euros;

Vinícius Júnior (BRA, Real Madrid): 45 milhões de euros;

4 – Jude Bellingham (ING, Borussia Dortmund): 30,2 milhões de euros;

5 – Alexandre Pato (BRA, Milan): 24 milhões de euros;

6 – Pedri (ESP, Barcelona): 22 milhões de euros;

7 – Pietro Pellegri (ITA, Monaco): 20,9 milhões de euros;

8 – Jadon Sancho (ING, Borussia Dortmund): 20,6 milhões de euros;

9 – Mathys Tel (FRA, Bayern de Munique): 20 milhões de euros;

Willem Geubbels (FRA, Monaco): 20 milhões de euros.

Fonte: Transfermarkt

WHATSAPP

Mais notícias

1 De 3.661