Tuíte de apoio a Forlán vai parar na delegacia de Crimes Digitais

Ex-jogador do Inter e atual técnico foi demitido após derrota para o Montevideo Wanderers

O Peñarol-URU vive uma crise interna e Diego Forlán, ex-jogador do Internacional e demitido do cargo de técnico do clube uruguaio no início da semana, está envolvido indiretamente.

Logo após anunciar seu novo treinador, o experiente Mario Saralegui, a conta oficial do Penãrol no Twitter publicou uma mensagem ao ex-colorado.

“Perdão, @DiegoForlan7, nossos dirigentes não te merecem”, diz a mensagem, publicada às 22h25, de terça-feira (1º). Até ser apagada teve 564 curtidas e 168 retuítes.

Forlán
Forlán em treino no Peñarol (Divulgação)

O vice-presidente do clube uruguaio, Rodolfo Cantino, afirmou que a situação está sob apuração.

“Estamos tentando averiguar. Sei que não é fácil descobrir se o problema veio de fora ou de dentro, mas vamos fazer todo o possível para descobrir o que aconteceu.”




O presidente do Peñarol, Jorge Barrera, realizou uma investigação interna e perguntou aos responsáveis pelas redes sociais sobre a autoria do tuíte. Ninguém se manifestou e a queixa foi realizada para a delegacia de Crimes Digitais.

Como jogador, Forlán passou pelo Internacional nas temporadas de 2012 e 2013. Participou de 55 partidas, com 22 gols marcados. Foi campeão do Campeonato Gaúcho em 2013.

WHATSAPP

Mais notícias

1 De 3.667